Azuaite participa de audiência com governador em exercício por justiça tributária a pequenas empresas de refrigerantes

O vereador Azuaite Martins de França (Cidadania) acompanhou representantes de indústrias de refrigerantes do estado de São Paulo em audiência realizada na tarde desta quarta-feira (12) com o governador em exercício Rodrigo Garcia, que durante encontro agendado pelo deputado Roberto Moraes (Cidadania), ouviu reivindicações do setor relativas à questão tributária.

A reunião no Palácio dos Bandeirantes teve presenças do presidente da Afrebras (Associação dos Fabricantes de Refrigerantes do Brasil), de Thiago Carelli, dos Refrigerantes São Carlos e de Murilo Prise, da Bell Par Refrescos, de Conchas (SP).

O setor busca apoio dos poderes públicos do estado para enfrentar o lobby crescente da bancada do Amazonas no Congresso Nacional para aumentar a alíquota do IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados) de concentrados de refrigerantes produzidos na Zona Franca de Manaus, que deve passar de 4% para 8% a partir de junho deste ano. A medida é danosa aos pequenos fabricantes de bebidas, que não dispõem de facilidades no acesso a financiamentos e benefícios fiscais obtidos pelas grandes corporações do setor.

Atuando na interlocução com o governo, Azuaite e o deputado Moraes entendem serem viáveis as ponderações dos empresários, que no último dia 3 se reuniram em São Carlos para articular sua mobilização. Há um consenso de que as dificuldades enfrentadas por pequenas e médias indústrias de bebidas no país resultam de uma disputa injusta imposta por grandes multinacionais que usam a Zona Franca de Manaus para manobras de renúncias fiscais.

“Os micro e pequenos empresários são tratados de forma injusta e desigual em reação a seus concorrentes; as leis e os olhos do Brasil se voltam para os grandes e menos para aqueles que, somados, são os que somados na verdade são os que sustentam a economia brasileira”, disse Azuaite. Ele considerou produtiva a reunião com o governador em exercício, que os orientou a apresentar mais detalhes numa próxima reunião na secretaria estadual de Fazenda para buscar a solução dos problemas no âmbito do estado de São Paulo.

O diretor da indústria de Refrigerantes São Carlos, Thiago Carelli, afirmou que foi produtiva a conversa com o governador em exercício, que “abriu as portas para verificar as dificuldades enfrentadas pelo setor”.

Também o deputado Roberto Moraes destacou o efeito positivo do encontro, destacando a agilidade do governador em exercício em agendar a audiência após a reunião realizada em São Carlos, promovida pelo vereador Azuaite.

Para Fernando Rodrigues Bairros, da Afrebras, a discussão de problemas foi importante “ e ao longo dos próximos meses discutiremos propostar para melhorar as condições das fábricas de refrigerantes do estado de São Paulo”. Os empresários do segmento observaram que suas vendas estão concentradas nos supermercados e há dificuldades em investir nas fábricas e crescer dadas as distorções tributárias atualmente enfrentadas.

Facebook
Google+
Twitter
LinkedIn

Deixe uma resposta

© 2019 Diário São Carlos. Todos os direitos reservados.